EFC Engenheiros Financeiros & Consultores

Melhoras evidentes na economia

By | 0 comments

O último relatório FOCUS publicado nesta segunda feira, 20 de fevereiro de 2017, mostra melhoras evidentes, quer para este ano de 2017 quer para 2018, conforme se vê no quadro acima. Vou comentar as principais:

1) A inflação, um flagelo que atinge especialmente os mais pobres ao corroer o poder de compra, está controlada. Pela primeira vez depois de anos, ela terminará o ano exatamente “em cima do centro da meta proposta”, que é de 4,5%. Em verdade, a previsão desse último relatório mostra até ela ligeiramente abaixo da meta, 4,43%; é preciso lembrar de que a ex-presidente Dilma entregou em 2015 a  inflação em 10,72%, pois como os preços foram represados antes das eleições presidenciais de 2014, no ano seguinte eles explodiram.

2) Depois de três anos de recessão, a previsão para o produto interno bruto de 2017  está indicando um  número positivo de 0,48%. Mas é preciso lembrar que em 2015 o PIB recuou -3,847% e em 2016 recuou adicionalmente -4,550%; considerando-se esses dois anos, houve uma perda no produto interno de -8,572%. Ora, o IBGE nos diz que o produto interno bruto ao final de 2015 era de R$ 5,904 trilhões, ou seja, o país perdeu R$ 508 bilhões. Esse é o preço do desastre da administração petista de Dilma, não há como negar.

3) O terceiro dado de destaque desse relatório FOCUS se refere à queda da taxa Selic. Essa taxa é a base de toda estrutura de juro do país, desde a taxa de desconto de duplicatas das empresas até a taxa de juro do cartão de crédito. Ela é a chamada “taxa prime” que serve de base para troca de reservas entre os melhores bancos e entre eles e o Banco Central. No governo Temer essa taxa partiu de 14,25% ao ano, agora caminha para 9,50% ao final de 2017 e em 9,00% ao final de 2018. Digo eu:esse nível ainda é muito alto, pois está apontando um juro real da ordem de 5% ao ano, ele precisaria cair ao nivel internacional que gira por volta de 2%.

4) Cambio: o relatório Focus projeta a cotação da moeda americana na faixa de R$ 3,30  a R$ 3,50, bastante estável. Digo eu: o real ainda ao meu ver está muito valorizado,deveria caminhar em dois anos para algo como R$ 5,00, nível que recuperaria o valor de quando partiu em R$ 1,00 em julho de 1994, início do Plano Real.  O país está muito barato, prova disso é que a entrada de capitais para investimento direto está mês a mês batendo recordes.


Sou Carlos Daniel Coradi. O leitor pode ver meus dados em www.carloscoradi.com.br ou em meu LinkedIn. Pode ver meus vídeos em
https://www.youtube.com/channel/UC-uN3wmqUyvNfSqZ4.

Minha empresa de consultoria EFC – Engenheiros Financeiros & Consultores faz em 2017  vinte e seis anos, nos quais atendemos centenas de empresas, no Brasil e no exterior.  O que as grandes consultorias internacionais fazem, nós temos feito com mais rapidez, maior foco, mesma qualidade e preços mais acessíveis. Somos uma boutique com grande experiência empresarial em muitas áreas: finanças, gestão, marketing, estratégias. Contatos pelo e-mail c.coradi@efc.com.br ou pelo telefone 11 9 86121264.

Vejam nossos videos mais procurados:

1) Controles internos  https://www.youtube.com/watch?v=8T6nGFf4d4Y  

2) Reorganização de Empresas à distância  https://www.youtube.com/watch?v=j-NgNoV-xDc 

3)Recuperação Judicial – Aula Ao Vivo https://www.youtube.com/watch?v=NDlevvABrcE

4) Relatório Focus | Boletim Focus https://www.youtube.com/watch?v=8DbZ-cXjoLg

5) Governança Corporativa – Aula 1 https://www.youtube.com/watch?v=7EoeiUVfs9o

 

468 ad