EFC Engenheiros Financeiros & Consultores

Family Office , você sabe o que é?

By |

O que é “ Family Office ”?

 

Se o leitor pesquisar no Google em inglês “ What is Family Office ”, encontrará a explicação “A Family Office or single family office (SFO) is a private company that manages investments and trusts for a single family ”. Traduzindo, “Family Office ou o Escritório Singular de uma família (SFO) é uma empresa privada que gerencia os investimentos e aplicações para uma única família”. Ou seja, uma família que tenha posses importantes (uma família rica) poderá montar uma nova empresa que se dedique unicamente à gestão de suas fortunas, quer financeiras, quer imobiliárias, quer empresariais. Às vezes, não há a montagem formal de outra empresa, e simplesmente a alocação dessas tarefas para um especialista de confiança dos donos.

Eu posso dar um bom exemplo real com um caso para o qual a EFC foi contratada para avaliar os pontos fracos e fortes do “Family Office” e fornecer indicadores para aperfeiçoar o desempenho da administração da fortuna. Conto o caso a seguir:

Meu cliente havia vendido sua participação numa importante empresa brasileira para uma multinacional que tinha o tipo de negócios nos Estados Unidos mas não no Brasil. O dinheiro obtido com a venda foi aplicado pelo meu cliente em sua “ Family Office ”, que tinha um gerenciamento separado de suas outras atividades.

Sua fortuna se dividia em a) empreendimentos imobiliários, tais como terrenos, casas de alto padrão, apartamentos; b) aplicações financeiras, tais como certificados de depósito bancários (CDB´s) de bancos brasileiros e estrangeiros, aplicações em fundos de renda fixa, aplicações em fundos imobiliários e similares; c) outras aplicações financeiras no exterior, quer nos Estados Unidos, quer na Europa; d) aplicações empresariais no Brasil e nos Estados Unidos.

A primeira fase do meu projeto foi criar um sistema de medida do desempenho das diferentes aplicações dos recursos e oferecer sugestões para melhorar; por exemplo, algumas aplicações em fundos bancários estavam gerando prejuízos e esse fato não estava sendo percebido pela gestão do “Family Office”; a EFC sugeriu correções, que foram então feitas; algumas aplicações financeiras estavam com rendimento bem abaixo do mercado e foram corrigidas. A aplicação em uma empresa de tecnologia existente nos Estados Unidos, por mim visitada em nome do meu cliente brasileiro, mostrou-se um mau negócio, de baixa rentabilidade e de maturação bastante improvável, resultando na recomendação para vender essa participação.

A segunda parte do projeto estava ligada à sucessão dentro do “Family Office”, o que foi feito com a criação de um projeto de acompanhamento com planos de educação dos sucessores e um controle desse preparo.

A terceira parte desse projeto envolveu a criação de um sistema de “Trustee[1], a escolha de um escritório de advocacia especializado em tais sistemas, para o gerenciamento jurídico da fortuna em nome dos herdeiros, caso ocorresse o falecimento do proprietário, quando então pesquisamos escritórios no Brasil e nos Estados Unidos, bem como em bancos que possuem departamentos com essa especialização.

[1] O que é “TRUSTEE”?  É a pessoa física ou jurídica apontada ou exigida por lei para executar um “trust” ou acordo de confiança; alguém empossado de poderes para administrar ou exercer a gestão para o benefício ou uso de outra pessoa ou entidade.

Gostou deste conteúdo? Ficou com alguma dúvida? Acesse nossa página de serviços e conheça as soluções da EFC para a sua empresa.

468 ad