EFC Engenheiros Financeiros & Consultores

Deputados da Comissão de Ética se pegam a tapas

OPINIÃO

 

Semana finda em 11_12_2015

 

Deputados da Comissão de Ética se pegam a tapas

Carlos Daniel Coradi[1]

Briga

A sessão da Comissão de Ética da Câmara dos Deputados montada para julgar o Presidente Eduardo Cunha sobre falso testemunho de suas contas bancárias, que se reuniu nesta quinta-feira, 10 de dezembro (pela sexta vez, sem conseguir sair do lugar), viu hoje pela televisão uma cena de pugilato: dois deputados, os deputados Zé Geraldo (PT-PA) e Wellington Roberto (PR-PB)  trocaram tapas, criando uma péssima imagem do critério brasileiro sobre ética.

Entendemos “ética” como a ciência do comportamento adequado que a sociedade aprova. Então, essa briga física ofende o conceito, pois o pugilismo deve ir para o ring e não para a comissão de Ética da Câmara.

No fundo, trata-se de dois grupos se digladiando, a favor e contra o presidente da Câmara, Eduardo Câmara, que pode ser afastado pela Procuradoria da República pelo seu comportamento e pela acusação de quebra de decoro parlamentar e por denúncias de corrupção ligadas à Operação “Lava- Jato”.

E acima desse fato, a predomina a disputa pelo impeachment ou não da Presidente Dilma. Ora, esse terrível quadro político está manchando a imagem do Brasil e contaminando nossa economia e assim contribuindo para gravar a inflação e o desemprego, dois males de atingem os duzentos milhões de brasileiros.

Seria muito elegante que a Presidente Dilma, em benefício da paz e do Brasil, renunciasse espontaneamente. Mas creio que a chance dela chegar a esse gesto nobre é praticamente zero. E então, vamos continuar nessa enorme encrenca, com pugilatos e tudo.

Outro desdobramento seria a Procuradoria Geral da República e o STF, o Superior Tribunal da Justiça. Acabasse com os processos sobre os dois presidentes da Câmara e do Senado, Eduardo Cunha e Renan Calheiros. Espero que o PGR e o  STF  tenham essa postura com rapidez. Lamentável!

 

Gostou deste conteúdo? Comente e Compartilhe. Ficou com alguma dúvida? Acesse nossa página de serviços e conheça as soluções da EFC para a sua empresa.

 

Mensagem aos meus leitores:

Tenho escrito, aqui no Opinião, todas as semanas sobre os eventos políticos e econômicos mais relevantes do Brasil.

A partir de 2015, passei a escrever também “blogs”, mais sintéticos, que podem ser lidos, pois, são publicados nos inícios das semanas.

Visando a divulgação de minhas habilidades como consultor de empresas, tenho publicado diversos vídeos, que podem ser vistos no meu Canal do YouTube. Clique AQUI!

Um abraço aos meus leitores habituais.

[1]Carlos Daniel Coradi é diretor presidente da EFC Engenheiros Financeiros & Consultores, uma empresa brasileira de consultoria com 25 anos de existência; engenheiro pela USP e Mestre pela FGV; veja o currículo em http://carloscoradi.com.br/carlos-coradi/curriculum-portugues/